Eu Conheço Alguém Que Morreu de Tanto Amar!

Eu te amo...

Mas, melhor do que eu possa querer amar você, Deus te ama ainda de uma maneira muito melhor do que a minha, pois te ama + do que o amor que eu, pessoalmente possa crer ser o + perfeito!

Ele entregou Seu Filho a ti e a mim por amor, e para isso, se entregou, morrendo por todos os nossos pecados, grandes e pequenos.

Você não precisa de + nenhum acessório para querer a Ele, em sua vida:basta reconhecer que,como todo ser humano,necessita desse amor que Ele lhe ofertou,na cruz.

E, a partir desta simples atitude,você será como eu sou: amada com um amor + do que perfeito!


Um pouquinho de mim para ti...

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Superficialmente


Na superfície estarão completos todos os diálogos.
Existirá alguma sincronia
Que prevaleça perfeitamente correta
Ante a assimetria tão perfeita das palavras inauditas?
Existirá ambivalência,ou contraponto definível
Que possa sufocar o grito
Desesperado das similaridades dos gestos,
Na observação indubitável do olhar que atenta,
E,por isso enxerga um pouco além do que expressa a aparência exterior?
Há palavra existente que se revele tão ambígua,
Diante do reconhecimento exíguo da analogia,
que se interpõe,como figura antológica a personificar gerações?

Na superfície já estão postos todos os diálogos,
os monólogos,solilóquios,monossilábicos vocabulários pesoais de cada um...
Na superfície as vozes audaciosas são escassas,
Mas resistem,ainda existindo
os que se atrevem a não deixar que a covardia
do silêncio perturbe a voz da própria consciência...

Nenhum comentário: